Arquivo: Edição de 27-04-2012

SECÇÃO: Região

As cruzes floridas de Cerzedelo

5 e 6 de maio

foto

Aproxima-se maio e logo nos primeiros dias do mês a vila de Cerzedelo, no concelho de Guimarães, prepara-se para a Festa das Cruzes.
As 16 cruzes familiares são asseadas durante todo o dia de sábado. Dezasseis famílias (13 em Cerzedelo e 3 de fora da vila) acolhem as mordomas da cruz para o seu asseio. Flores naturais e papel recortado (trabalhado à mão) cobrirão de beleza as cruzes de madeira – carvalho ou castanho - com cerca de dois metros de altura.
A madrugada de sábado para domingo é vivida na elaboração dos tapetes de flores para a procissão do Senhor aos doentes que, no domingo de manhã, a partir das 9h00, sairá da igreja paroquial em direção à casa de cada doente, num percurso que poderá ultrapassar os 7 km.
Da parte da tarde, no domingo, a Via Lucis. As cruzes floridas de Cerzedelo marcam o percurso da Via Lucis, seguindo-se a celebração da eucaristia na igreja paroquial.
A tradição da Festa das Cruzes de Cerzedelo perde-se no tempo. De beleza ímpar que se renova em cada ano, a Festa tem merecido rasgados elogios da parte de pessoas e instituições e em alguns meios de comunicação social nacional e local.
De maior destaque e divulgação foi a exposição das 16 cruzes floridas no Museu de Alberto Sampaio, em Guimarães, realizada de 9 a 20 de maio de 2011, intitulada A Solenidade da Luz.
Novamente em 2012 a comunidade paroquial de Cerzedelo aposta na afirmação da beleza da cruz florida, manifestação de Jesus Ressuscitado na vida de cada pessoa e volta a confiar na missão do Padre António Leite, SVD, para presidir à celebração das festas.

Email do Jornal: jornal@oconquistador.com
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.
Dom DigitalProduzido por ardina.com,
um produto da Dom Digital.